Publicado em: 24 de julho de 2019
O poder e sabedoria de Deus

Para: quarta-feira, 24 de julho de 2019

Leia em sua Bíblia: Mateus 13.53-58

“De onde vêm a sabedoria dele e o poder que ele tem para fazer milagres?” (Mt 13.54)

Após sair do seu batismo e passar pela tentação no deserto, Jesus saiu para o seu ministério, pregando o Reino de Deus por onde passava. Depois de visitar várias cidades da Galileia, Jesus chegou na cidade em que fora criado, Nazaré. Jesus era bem conhecido pelos seus habitantes, afinal, ele morara a maior parte de sua vida ali, junto de Maria, de José e de seus irmãos e suas irmãs.

A fama de Jesus já havia se espalhado. Jesus era Mestre, e isso lhe dava autoridade para que ensinasse nas sinagogas. Aliás, podemos dizer que a principal característica do ministério de Jesus é a pregação do Evangelho, que culmina na obra salvífica, quando ele se entrega na cruz, em nosso lugar, para perdoar os nossos pecados. O ensino, a pregação, os milagres e todos os outros feitos de Jesus sempre revelavam o poder de Deus para salvar o ser humano.

Os nazarenos não puderam crer que Deus fizera daquele simples cidadão, filho de um carpinteiro, o Salvador do mundo. Isso nos lembra a pergunta de Natanael para Filipe, no evangelho de João: “Será que pode sair alguma coisa boa de Nazaré?” (Jo 1.46). Realmente, o poder de Deus se revela através da humildade e da simplicidade. É surpreendente ver como Deus age, principalmente quando a nossa razão não suporta atos tão grandes em atitudes tão pequenas. Deus nos surpreende com a água do batismo oferecendo uma nova aliança com ele. Deus nos surpreende quando, na Santa Ceia de Cristo, ele oferece a remissão dos pecados.

Deus nos surpreende com a sua Palavra, Palavra poderosa, que traz vida e salvação. Assim, chegamos à conclusão de que o grande milagre em nossa vida é a fé, que compreende o poder de Deus confiando na simplicidade de suas ações.

Oremos: Querido Deus, dá-me sempre capacidade para entender o teu amor revelado em Cristo. Amém.