Publicado em: 09 de maio de 2019
O grande conflito

Para: quinta-feira, 09 de maio de 2019

Leia em sua Bíblia: Mateus 15.1-9

“Jesus respondeu: — E por que é que vocês desobedecem ao mandamento de Deus e seguem os seus próprios ensinamentos?” (Mt 15.3)

Como é difícil tomar uma decisão, não é mesmo? Quem dirige você em suas decisões? Muitas pessoas têm o hábito de conversar com amigos, orar e, então, tomar uma decisão. Nem sempre elas acertam, mas esse hábito pode ajudar. Há muitas vezes um grande conflito na nossa existência: fazer aquilo que queremos, o que a nossa vontade deseja, ou fazer aquilo que é o certo?

Roubar é errado? Todos dizem que sim. Todas as pessoas vão dizer que roubar é errado, mas, por que temos tanta gente roubando? Corromper alguém é errado? Todos afirmam que sim, mas como temos corruptores em nosso país! Ninguém assume isso publicamente, pois todos sabem que é errado.

Vivemos um grande conflito. Entre o que é o certo e o que fazemos, muitas vezes, o que fazemos errado. Então Jesus pergunta: “E por que é que vocês desobedecem ao mandamento de Deus e seguem os seus próprios ensinamentos?” (Mt 15.3). O que você responderia para ele?

Primeiramente, precisamos reconhecer que realmente erramos. E, então, pedir perdão, talvez dizendo a Jesus: “Não, Senhor, eu não consigo obedecer aos teus mandamentos, sou imperfeito, e reconheço. Por favor, desculpa-me!”

Como é difícil reconhecer nossos erros! Mas não há outro jeito. É preciso assumir que há um conflito entre a vontade de Deus e os nossos próprios desejos. Muitas vezes eles não combinam. Queremos fazer o que é errado. Deus sabe disso e por saber que a consequência disso é a morte, pois o salário do pecado é a morte, ele nos envia Jesus. Ele declara a paz entre Deus e os homens. Ele perdoa os nossos erros pagando com a vida dele na cruz. Por isso, confie nele! Arrependa-se e procure viver, com a força que ele dá, uma vida em conformidade com a vontade de Deus.

Oremos: Querido Jesus, perdoa-me por muitas vezes eu estar em conflito com a tua vontade. Perdoa-me e ajuda-me! Amém.