Publicado em: 24 de janeiro de 2019
Amor sem igual

Para: quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

Texto: Salmo 27.10-14

“Ainda que o meu pai e a minha mãe me abandonem, o Senhor cuidará de mim.” (Sl 27.10)

Costumeiramente ouvimos: amor de verdade, só de mãe. Sem dúvida, o amor sentido e ofertado pelas mães, e por pais também, aos seus filhos, humanamente falando, é um dos mais belos. Contudo, ainda assim, vemos em nossos dias mães que abortam os seus bebês, ou os abandonam em latas de lixo. Vemos pais que maltratam os seus filhos e praticam tantos outros atos de desamor, contradizendo a frase acima. A Bíblia deixa claro que o pecado manchou o nosso amor a Deus e ao próximo, por isso falhamos em nossos relacionamentos e geramos tanto sofrimento uns aos outros.

Davi também estava sofrendo com a perseguição de seus inimigos. No Templo do Senhor Deus ele buscou refúgio. Ali ele declarou que somente Deus poderia acolhê-lo e guardá-lo dos seus inimigos. No Salmo 27, versículo 10, Davi afirmou: “Ainda que o meu pai e a minha mãe me abandonem, o Senhor cuidará de mim”. O salmista fez o que Jesus nos ensinou no evangelho de Mateus, capítulo 6, versículo 33: “Portanto, ponham em primeiro lugar na sua vida o Reino de Deus e aquilo que Deus quer, e ele lhes dará todas essas coisas”.

Davi reconhece que, enquanto o Senhor está ao seu lado, ele nada tem a temer. Os seres humanos são propensos a reações de medo e falham em seus relacionamentos. No entanto, Deus é fiel. Ele é a nossa luz e a nossa salvação. Ele nos redimiu por meio de seu filho, Jesus Cristo, vencedor dos nossos piores inimigos. Por isso, podemos afirmar: “Se Deus está do nosso lado, quem poderá nos vencer? Ninguém!”

Oremos: Ó Cristo, vitorioso Salvador, tu és a nossa luz e a nossa salvação. Perdoa-me quando não amo a ti e ao meu próximo como deveria. Conforta-me quando sofro com perseguições e angústias originadas pela falta de amor. Que o Espírito Santo me anime e fortaleça na fé. Amém.