Publicado em: 06 de outubro de 2019
Uma triste história de rejeição

Para: domingo, 06 de outubro de 2019

Leia em sua Bíblia: Mateus 21.33-46

“Então agarraram o filho, e o jogaram para fora da plantação, e o mataram.” (Mt 21.39)

É interessante como Jesus usava histórias para ensinar grandes verdades. O conteúdo dessas histórias geralmente era algo da rotina daquelas pessoas, para que elas compreendessem bem a aplicação da história. E, certa vez, Jesus usou uma plantação de uvas para revelar uma triste verdade.

Nessa história havia um agricultor que preparou uma ótima plantação de uvas. Ele deixou lavradores cuidando da sua plantação e, no tempo da colheita, enviou empregados para receber a sua parte. Porém os lavradores eram tão maus que espancaram e assassinaram os empregados enviados pelo patrão. E isso se repetiu novamente, o que fez com que o dono da plantação enviasse o seu próprio filho, achando que assim ele seria respeitado e conseguiria receber a sua parte da colheita de uvas. Mas, como lemos na Palavra de Deus, a história diz que os lavradores maus “agarraram o filho, e o jogaram para fora da plantação, e o mataram” (Mt 21.39).

Usando esta história trágica, Jesus quis mostrar como o próprio Deus, os seus profetas e o seu próprio Filho foram rejeitados. O próprio filho que foi morto na triste história da plantação de uvas é uma alusão ao sofrimento de Jesus. Mesmo tendo sido enviado pelo Pai, ele foi surrado, humilhado, maltratado, crucificado e morto. Porém, como registra a Palavra de Deus, Jesus foi ressuscitado no terceiro dia.

Hoje, por meio do recontar desta história da plantação de uvas, mais uma vez Jesus chegou aos nossos ouvidos. Não precisamos ser iguais aos lavradores maus da história e rejeitar o cuidado e o amor de Deus. Hoje é o tempo de arrependimento, de pedir perdão e crer no Senhor Jesus para a nossa salvação.

Oremos: Senhor, perdoa os nossos pecados e aumenta a nossa fé em Jesus. Ensina-nos a não rejeitarmos o teu amor. Por Cristo. Amém.